E aí, galera!

 

Tudo bem?

 

O post de hoje  é sobre uma dúvida frequente em relação à inscrição do vestibular da Asces-Unita: sobre o uso ou não da nota do Enem. Como ela é usada? Devo usá-la ou não?

Bem, a nota do Enem e a nota do vestibular são somadas, lembrando que o vestibular corresponde a 90% da sua nota, já o Enem, corresponde aos outros 10%. Um complemento pra você ter o desempenho melhorado no resultado final.

E ela deve ser usada ou não? Fica a seu critério. Você que opta por usá-la ou não. Lembrando que devem ser usadas as notas referentes aos anos de 2016 ou 2017.

Entenda como funciona o cálculo da nota:

No caso particular dos candidatos que autorizarem o uso da nota na parte objetiva do ENEM, o argumento individual de classificação será aferido mediante o uso de uma das expressões abaixo:

AC= 0,9 D + 0,1 M, para M>D ou AC=D, para M≤D, em que:

AC = argumento individual de classificação, na escala de 0 a 10 pontos;

D = desempenho;

M = média aritmética das notas nas partes objetivas das provas do ENEM-2016 ou ENEM-2017 obtida pelo candidato, transformada proporcionalmente para a escala de 0 a 10 pontos.

Para os candidatos que não autorizarem o uso do ENEM ou não dispuserem da nota na parte objetiva daquele exame, o argumento individual de classificação será calculado da seguinte maneira: AC = D